Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos de Manaus (2015): resultados parciais das metas estabelecidas

  • Amanda Cristina Souza Barreto Universidade do Estado do Amazonas

Resumo

O Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidosda cidade de Manaus foi desenvolvido a partir de uma atualização exigida pela Política Nacional de Resíduos Sólidos que estabelece, dentre outros objetivos, metas que devem ser realizadas em curto, médio e longo prazo. O objetivo da pesquisa é apontar possíveis melhorias e identificar as realizações totais, parciais ou inexistentes das metas estabelecidas. Utilizou-se o estudo de caso como método, cuja coleta de dados se fez por meio de portais de órgãos do poder público, jornais de grande veiculação da região e produções acadêmicas. A partir dos dados obtidos foram feitas comparações entre os anos anteriores à implementação do plano e os dos prazos finais estabelecidos nas metas. Como resultado, obteve-se que das 6 metas estudadas, 4 não foram atingidas e que metas com o objetivo de ampliação, sofreram redução deseus serviços. O que se pode identificar por meio desse estudo é que, apesar dos desafios decorrentes das limitações de dados, as metas apresentam relevância para a qualidade de vida da sociedade e do meio ambiente. Contudo, pode-se perceber que apesar de classificadas como de curto prazo, as metas não foram, em sua maioria, realizadas sequer parcialmente, mostrando as falhas na execução das atividades por parte do poder público e na falta de conhecimento do Plano e exigências de uma boa execução por parte da população.

Biografia do Autor

Amanda Cristina Souza Barreto, Universidade do Estado do Amazonas

Autores:

Amanda Cristina Souza Barreto1(amanda.c.s.barreto@gmail.com), Isabela Cristina de Lima Guedes2(isabelaclguedes@hotmail.com)

1 Universidade do Estado do Amazonas

2 Universidade Nilton Lins

Publicado
2019-06-14