ESTUDO DE IMPACTO AMBIENTAL DO LIXÃO MUNICIPAL DE CURRAIS NOVOS, ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE - BRASIL

  • Andreza Maiara Silva Bezerra Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN)

Resumo

Os resíduos sólidos são comumente encontrados dispostos a céu aberto, em terrenos baldios e às margens de corpos hídricos e rodovias, gerando impactos socioambientais negativos e graves problemas de saúde à população. Diante da realidade do município de Currais Novos-RN em relação à gestão e o manejo dos resíduos sólidos, o presente trabalho teve como objetivo principal avaliar os impactos ambientais do lixão do referido município. Para tanto, os impactos foram identificados e classificados com o uso de metodologias clássicas de Estudo de Impactos Ambientais (EIA). Evidenciou-se a presença de chorume a céu aberto, poluição do ar, presença de catadores e de resíduos passíveis de outra destinação ambiental especifica. Concluiu-se que a disposição final dos resíduos sólidos no referido lixão representa um risco potencial ao meio ambiente, tendo em vista que não são adotadas medidas de proteção ambiental, a fim de preservar-se a qualidade do solo, da água e do ar. Com base nisso, faz-se necessário realizar intervenções urgentes, como a desativação do lixão, a inclusão dos catadores em políticas públicas e criação do Aterro Sanitário, seguindo a Lei 12.305/2010. Torna-se necessário, também, ações periódicas para minimização dos impactos ambientais identificados no lixão até que a disposição final dos resíduos ocorra no aterro sanitário previsto. Encontra-se em fase de implantação o Consórcio dos Resíduos Sólidos do Seridó que também irá receber os resíduos sólidos de Currais Novos. Ressalta-se ainda a necessidade da realização de estudos para avaliar a qualidade de solo, da água e do ar por meio de análises laboratoriais.

Biografia do Autor

Andreza Maiara Silva Bezerra, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN)

AUTHOR

Andreza Maiara Silva Bezerra1 (andrezamaiarasilva@gmail.com),

Andressa Noronha Barbosa Silva1 (noronha.andressa@gmail.com),

Romulo Wilker Neri de Andrade1 (romulo_wilker@hotmail.com),

Nathan Ravi Medeiros Honorato2 (nathanhonorato@hotmail.com),

Ana Paula Fonseca e Silva3 (fonsecaanapaula2@gmail.com)

1 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN)

2 Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN)

3 Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE)

Publicado
2019-06-14