SIMULAÇÃO DA DIGESTAÇÃO ANAERÓBIA DE LODO EM REATOR CSTR NÃO-IDEAL

  • Mariana S. Carvalho Universidade Federal da Paraíba

Resumo

A digestão anaeróbia é o método de tratamento mais adequado para o tratamento de resíduos de alta resistência orgânica quando comparados com outros métodos de tratamento de resíduos, porque a energia é recuperada sobre a forma de metano e o lodo tratado também tem bons valores de condicionamento no solo. Este trabalho analisa a reação de digestão anaeróbica para tratamento de lodo de esgoto, a fim de modelar e simular um reator tipo tanque agitado não ideal. Neste trabalho um modelo matemático para reator foi desenvolvido como uma combinação de um CSTR ideal de volume Vs, uma zona morta de volume Vd e desvio (bypass) com vazão volumétrica Qb. A vazão real do reator é Q0 e corrente afluente no reator é Qs. Os parâmetros do modelo são β, que representa a fração da vazão total que sofre desvio, e α que representa a fração de volume total V ocupada pela região não estagnada. Foram analisados os parâmetros do modelo e as condições operacionais do reator. A maior produção de metano (CH4) teve os valores de parâmetro α = 0,9 e β = 0,01, onde o valor da concentração de metano foi de 10 g/dm³.

Biografia do Autor

Mariana S. Carvalho, Universidade Federal da Paraíba

Mariana S. Carvalho1(marianasalescarvalho3@gmail.com), Rodolpho L. R. Alves1 (rodolpho.ufpb@gmail.com) Andrea L. O. Ferreira1 (andreaferreira@ct.ufpb.br), Giovanilton Ferreira da Silva1 (giovanilton@ct.ufpb.br),

1Universidade Federal da Paraíba - Centro de Tecnologia - Departamento de Engenharia Química

Publicado
2019-06-14