Aplicação do Reagente de Fenton em Lixiviado de Aterro Sanitário Tratado Biológicamente, Visando a Remoção de Matéria Orgânica Recalcitrante

Autores

  • Caio Victor Lourenço RODRIGUES
  • Deize Dias LOPES

Resumo

O presente trabalho teve por objetivo avaliar a eficiência da remoção de matéria orgânica e nitrogênio de lixiviado de aterro sanitário, utilizando processo biológico seguido por processo físico-químico. Grande parte da matéria orgânica presente em lixiviado metanogênico é formada por moléculas complexas, com elevada Massa Molecular e baixa biodegradabilidade. Por isso, para remoção destas é mais adequada a aplicação de tratamentos físico-químicos, como os Processos Oxidativos Avançados (POAs), que podem oxidar, parcialmente ou totalmente, um composto orgânico através do radical OH●, gerado pela ativação de alguma substância oxidante, como o O3, H2O2 e TiO2. O reagente de Fenton é um POA baseado na ativação do H2O2 através de sais de ferro. O sistema biológico, formado por reator anóxico e aeróbio em série, foi responsável pela remoção do N-amoniacal e da matéria orgânica biodegradável, apresentando uma remoção de 80% do N-amoniacal e 22% de DQO. O efluente desse tratamento recebeu a aplicação do reagente de Fenton, sendo os resultados avaliados por meio da variável resposta remoção de matéria orgânica na forma de DQO. Os valores encontrados apresentaram remoção superior a 70% e os parâmetros analisados indicam que o reagente de Fenton pode atuou como oxidante e coagulante.

Publicado

2017-08-13