PROPOSTA DE GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS SÓLIDOS EM OFICINA MECÂNICA DE PEQUENO PORTE

  • Isadora Tagliapietra Universidade Federal de Santa Maria
  • Otávio Ficagna Universidade Federal de Santa Maria-Campus Frederico Westphalen
  • Vitória de Lima Brombilla Universidade Federal de Santa Maria-Campus Frederico Westphalen
  • Aline Passini Universidade Federal de Santa Maria-Campus Frederico Westphalen

Resumo

O elevado desenvolvimento nos mais diversos setores que a sociedade moderna viveu no período após a revolução industrial, impulsionou uma necessidade muito maior de matérias-primas o que, consequentemente, ocasionou uma maior geração de resíduos, onde, dentro do contexto, o setor automobilístico é um grande contribuinte para isso, pois o carro é um objeto imprescindível no ritmo acelerado que vivemos. As oficinas mecânicas atuam como auxiliares importantes para o bom funcionamento deste meio de transporte, sendo que as mesmas acabam gerando diversos resíduos, como óleos lubrificantes usados, embalagens plásticas, estopas, entre outros, onde se faz fundamental que se dê um correto destino aos mesmos, pois o gerenciamento eficiente destes evita que muitos problemas ambientais e sociais venham a ser ocasionados. No presente trabalho foi elaborado um plano para gerenciar os diversos resíduos que uma oficina mecânica produz, de forma a otimizar o uso da matéria-prima e evitar o desperdício, bem como a destinação incorreta destes. A metodologia utilizada foi baseada em 3 visitas no local e em entrevista com o proprietário do estabelecimento. Os resultados foram extremamente satisfatórios, pois a empresa já fazia o descarte correto de muitos resíduos e pretende colocar em pratica as ideias propostas nesse trabalho.

Palavras-chave: Resíduos; Oficina mecânica; Gerenciamento.

Publicado
2018-06-27