IDENTIFICAÇÃO DE RESÍDUOS E ELABORAÇÃO DE PROPOSTA DE GESTÃO AMBIENTAL NOS LABORATÓRIOS DE ENSINO DO INSTITUTO DE QUÍMICA E BIOTECNOLOGIA DA UFAL

  • Daniela S. Anunciação Universidade Federal de Alagoas

Resumo

Os elevados índices de contaminação ambiental relacionados aos resíduos químicos gerados nas universidades são motivação para a realização de ações que atendam à legislação bem como ao bem estar e segurança de estudantes, técnicos e professores que lidam diretamente com resíduos químicos nos laboratórios de ensino e pesquisa. O presente trabalho visou a identificação de resíduos sólidos oriundos dos laboratórios do Instituto de Química e Biotecnologia da UFAL e proposição de estratégias de gestão ambiental na instituição. Para tanto, foi feito um levantamento dos resíduos os quais foram submetidos a ensaios químicos de identificação. Tais resíduos foram dispostos, temporariamente, em local mais adequado até que sejam encaminhados para tratamento e/ou disposição final. Foi feita uma proposta de dentro do escopo de gestão ambiental no sentido de ajustar um dos experimentos que mais geram resíduos com vistas a minimizar seu quantitativo e acondicionar em volumes menores. Também foram propostos mapas de risco dos laboratórios com o intuito de esclarecer melhor os usuários e promover mais segurança no ambiente laboral. Foi possível identificar preliminarmente os resíduos acumulados ao longo de 2 décadas no IQB. Com base nos testes de identificação prévia, resíduos orgânicos e inorgânicos foram alocados de acordo com a compatibilidade química dos mesmos, minimizando riscos iminentes de acidentes. Esta ação impulsionada por uma necessidade urgente de se atentar para a geração de resíduos, proporcionou o início de uma conduta mais adequada do ponto de vista ambiental por parte da comunidade acadêmica com vistas à implantação futura de um sistema de gestão ambiental na UFAL.

Biografia do Autor

Daniela S. Anunciação, Universidade Federal de Alagoas

Author 

Daniela S. Anunciação1 (daniela.anunciacao@iqb.ufal.brl),

Tiago A. de Souza1 (thiago_adonai@yahoo.com.br),

Kristhofee F. F. da Silva1 (KrisFerreira13@hotmail.com),

Marina de M. Silva1 (marina-nina14@hotmail.com)

 

1 Instituto de Química e Biotecnologia, Universidade Federal de Alagoas, Maceió-AL, Brasil.

Publicado
2019-06-14